Você sabe qual é o tipo de pesquisa de mercado ideal para a sua instituição?

30 de outubro de 2023


Na esteira da importância das pesquisas de mercado no âmbito dos empreendimentos educacionais (https://vortexeducacao.com.br/importancia-das-pesquisas-de-mercado-na-educacao/), um aspecto importante evidenciou-se: existem algumas alternativas nesse sentido e o conhecimento prévio a respeito de cada uma delas pode otimizar os resultados almejados quanto às pesquisas em questão. Então, para que você fique ainda mais por dentro desse assunto tão importante, é só conferir nossa matéria do início ao fim. Vamos lá?

As pesquisas de mercado podem ser primárias ou secundárias. As primárias se referem às pesquisam que visam coletar dados e insights de forma específica, particular, para a instituição que aplica a pesquisa. Dessa forma, tais informações vêm de questionários, entrevistas, observação participante, ou até mesmo de reuniões com grupos de clientes em potencial (entre outras possibilidades). A partir disso, as informações obtidas podem deter um caráter qualitativo ou mesmo quantitativo.

Pesquisas primárias também têm a ver com o mundo digital

Vale ressaltar que determinadas ferramentas e softwares também podem ajudar na obtenção de dados primários. Web analytics (coletam dados de usuários por meio de cookies); social analytics (coletam dados de usuários de redes sociais); mapas de calor e gravações de tela (têm a ver com registros relacionados à maneira como os usuários utilizam os sites) e também monitoramento de menções (essas ferramentas fazem apanhados de menções às marcas, especialmente nas redes sociais).

Inúmeras fontes de informação

Já as pesquisas secundárias norteiam-se através de dados já obtidos (por terceiros) e que podem servir para quem os analisa. Nesses casos, a internet, quase sempre, disponibiliza as principais fontes, o que facilita bastante o trabalho. Ou seja, de maneira geral, esses dados se fazem notar em jornais, revistas e portais de notícias; empresas e agências de publicidade; institutos de pesquisa; associações profissionais; dados e publicações disponibilizados pelo governo e ainda através de trabalhos acadêmicos e artigos científicos.

“Entendi. Mas como saber qual caminho seguir, nesse contexto, em prol do desenvolvimento da minha escola?”

Pesquisas primárias demandam tempos maiores para fins de conclusões das análises. E geralmente pressupõem também a necessidade de se ter um maior aporte financeiro para que sejam viabilizadas. Já as pesquisas secundárias demandam menos tempo e menos investimentos para que sejam feitas. As secundárias podem ser importantes para o levantamento de hipóteses. Já as primárias podem servir para que haja comprovação (ou não) acerca das hipóteses levantadas. Ou seja, sob o ponto de vista ideal, a melhor escolha, nesse âmbito, tende sempre a ser a que une esses dois caminhos. Mas, caso se tenha que optar por uma em detrimento da outra, o teor das metas previamente estabelecidas pelos gestores educacionais tende a definir qual das alternativas em questão é mais compatível com os resultados almejados.

E aí, curtiu? Que tipo de pesquisa de mercado costuma ser praticada na sua instituição?